Cinema

Scarlett Johansson processa Disney por lançamento de ‘Viúva Negra’ no streaming

Scarlett Johansson entrou com um processo contra a Walt Disney alegando violação de contrato por parte da empresa, de acordo com as informações noticiadas nesta quinta-feira (29) pelo Wall Street Journal“Viúva Negra” teve estreia simultânea nos cinemas e na plataforma de streaming Disney+ no último dia 9 de julho.

Segundo o site, a atriz de 36 anos deu entrada na ação judicial nesta quinta-feira, 29 de julho, com a justificativa que o contrato estipulava que o longa chegaria apenas nos cinemas e que o salário seria baseado em grande parte no desempenho do filme nas bilheterias. No entanto, o filme chegou também no streaming. 

“A Disney induziu intencionalmente a violação do acordo da Marvel, sem justificativa, para evitar que a Sra. Johansson percebesse todos os benefícios de sua barganha com a Marvel”, diz o processo. “Este não será com certeza o último caso em que talentos de Hollywood enfrentam a Disney e deixam claro que, independentemente do que a empresa possa fingir, tem a obrigação legal de honrar seus contratos”, afirmou John Berlinski, advogado que representa Scarlett.

Ainda de acordo com o Wall Street Journal, os representantes da atriz tentaram renegociar o contrato da artista após saberem do lançamento duplo do longa. Os relatórios dos advogados indicam que Johansson pode perder US$ 50 milhões (R$ 253 milhões) por conta do lançamento no Disney +. Ao todo, “Viúva Negra” arrecadou US$ 80 milhões (R$ 405 milhões) nas bilheterias americanas, US$ 78 milhões (R$ 395 milhões) fora dos Estados Unidos e US$ 60 milhões (R$ 304 milhões) na Disney +. 

Em nota, a Disney responde ao The Hollywood Reporter que o contrato com a Scarett foi totalmente cumprido e que recebeu até agora 20 milhões de dólares pelo papel mais a compensação adicional por ter sido exibido nos cinemas e no streaming.

More in:Cinema