Teatro

Confira 5 motivos para assistir “Naked Boys Singing”

A versão brasileira do espetáculo musical Naked Boys Singing estreia sua segunda temporada hoje, dia 21 de janeiro e, além de contar com lotação máxima na primeira temporada, a produção acumula elogios e prêmios.

Mas, se você precisa de mais motivos para não perder o musical, te damos 5 a seguir!

1. Não é apenas “nudez total”

O espetáculo, embora conte com seus atores completamente nus e até aborde, de certa forma, o corpo humano como é, não tem em seu enredo apenas isso. Questões como a homofobia, a autoaceitação, romance, e até mesmo uma certa crítica à cultura dos padrões são abordadas, de maneira divertida e leve.

2. A Trilha Sonora

A versão brasileira das canções de Naked Boys Singing são um show à parte. Com piadas com termos brasileiros como o “boy padrão”, as músicas aproximam o público do enredo da produção.

3. O elenco

Com elenco completamente entrosado, o espetáculo diverte e emociona na medida certa. Números como o do “Diarista Nu” e o flerte entre dois vizinhos levam o público ao riso e às lágrimas.

3. O Figurino

Se você pensa que, só porque os atores se apresentam nus em cena, não existe figurino, está completamente errado. Em momentos pontuais, cenas são feitas com figurinos como um roupão glamouroso, com direito a brilho, toalhas e shorts de academia, tudo em sintonia com o que as cenas pretendem passar.

4. Trata-se de um musical inspirador

O espetáculo inspira pelo enredo, pelo convite à reflexão acerca do próprio corpo e pela quebra de diversos tabus. O esforço da produção para que o musical aconteça também justifica que quem ainda tenha certa resistência, vá correndo conferir!

5. Não é feita só de “Boys padrão”

A diversidade de biotipos é um diferencial do musical. O espectador encontrará corpos reais, incluídos no contexto do enredo. Não precisa se sentir intimidado! Você será muito bem-vindo!

Naked Boys Singing estreia hoje, no Teatro Nair Bello, dentro do Shopping Frei Caneca!

Ficha Técnica 

Idealização: Robert Schrock

Versionista: Rafael Oliveira

Direção: Rodrigo Alfer

Assistente de Direção: Manu Littiéry

Assistente de Coreografia: João Hespanholeto

Direção Musical: Ettore Veríssimo

Assistente de Direção Musical: Gabriel Fabbri

Direção Coreográfica: Alex Martins

Preparação de Elenco: Érika Altimayer

Cenário e Figurino: Daniele Desierrê

Desenho de Luz: Gabriela Araújo

Desenho de Som: André Omote

Copista: Rafael Gamboa

Produção e Cenotecnia – Alexandre de Marco

Produção: Cícero de Andrade

Produção Bacana Produção Artísticas & Mosaico Produções

Elenco: André Lau, Aquiles, João Hespanholeto, Luan Carvalho, Lucas Cordeiro, Raphael Mota, Ruan Rairo, Silvano Vieira, Victor Barreto, Tiago Prates e Gabriel Fabri – Pianista

Fotos: Caio Gallucci

 Serviço

Naked Boys Singing!

 TEATRO NAIR BELLO – Shopping Frei Caneca

Temporada: 21 de Janeiro à 20 de Fevereiro de 2022.

Sextas e Sábados às 21h e domingos às 19h.


Ingressos: R$80,00 (inteira) e R$40,00 (meia-entrada)

Duração: 80 min
Classificação indicativa: 16 anos 

 TEATRO NAIR BELLO – Shopping Frei Caneca

End: Rua Frei Caneca 569, 3º Piso, São Paulo.

 (11) 3472 2414 – 11) 3472-2424

 VENDAS ONLINE e MOBILE

www.sympla.com.br

 PROTOCOLOS DE SEGURANÇA E SAÚDE

Seguindo as recomendações e os protocolos autorizados pelos órgãos públicos e de saúde, o Teatro Nair Bello retoma as atividades presenciais, zelando pela segurança e bem-estar de seu público e funcionários. As apresentações presenciais seguirão todos os protocolos de acordo com as regras determinadas pelas autoridades sanitárias, portanto o uso de máscara é obrigatório nas dependências do teatro, aferição da temperatura do público na entrada do espetáculo e a apresentação da carteira de vacinação com pelo menos a primeira dose da vacina contra a covid-19, as vendas de ingressos serão realizadas apenas online via plataforma Sympla, para evitar aglomerações, ou através do totem de autoatendimento localizado na frente do teatro.

 *POLITICA DE DESCONTOS | MEIA-ENTRADA

A meia-entrada é valida somente para estudantes devidamente matriculados em instituições de ensino comprovada mediante a apresentação da carteira oficial de estudante, idosos com mais de 60 anos, pessoas com deficiência e jovens de 15 a 29 anos comprovadamente carentes e participantes de programas sociais, sendo que para cada sessão o limite máximo obrigatório da meia entrada será de 40% da lotação do teatro, conforme Lei nº 12.933/13.

Nicole Gomez
Formada em Rádio e TV, sou uma apaixonada por Teatro Musical e acredito que a Cultura pode mudar vidas.

More in:Teatro