Teatro

Sucessos de Cazuza, Art Popular e Chico Buarque embalam peça em cartaz no Teatro Vivo

Dilemas relacionados ao amor e às paixões juvenis vão encantar o público que assistir a peça “Música para cortar os pulsos”, do dramaturgo e diretor Rafael Gomes, no Teatro Vivo. O espetáculo está na reta final de apresentações, até o dia 12 de dezembro. Conta a história de três jovens: Isabela, que sofre após ser abandonada, o melhor amigo dela, Ricardo, que cai de amores pelo colega Felipe, e este, por sua vez, está em busca de uma paixão.

As histórias são apresentadas ao público em dez cenas, com repertório formado por grandes sucessos de artistas como Djavan, Tim Bernardes, Cazuza, Caetano Veloso, Chico Buarque, Arctic Monkeys e outras músicas bastante conhecidas do público. A peça é a primeira experiência do jovem Rafael Gomes na dramaturgia e já levou, desde sua estreia, em outubro de 2010, o prêmio APCA (Associação Paulista dos Críticos de Arte) de Melhor Peça Jovem de 2010 e o Troféu Ítalo Rossi 2011 de Melhor Espetáculo e Melhor Direção.

Teatro Vivo

O Teatro Vivo foi um dos poucos espaços culturais a manter a programação online e gratuita durante a pandemia, e reabriu ao público presencial em outubro. O espaço segue o protocolo destinado aos espaços culturais de São Paulo, com 70% da sua capacidade, o que corresponde a 196 lugares, mantendo todos os cuidados para garantir ao público conforto e segurança. 

Serviço
Música Para Cortar os Pulsos

Teatro Vivo – Avenida Doutor Chucri Zaidan, 2460 – Morumbi, São Paulo – São Paulo

Apresentações:

Sexta, 10 de dezembro, 20h

Sábado, 11 de dezembro, 20h

Domingo, 12 de dezembro, 18h


Classificação: 14 anos

Duração: 70 minutos

Ingressos entre R$ 30,00 e R$ 60,00

Onde comprar: https://site.bileto.sympla.com.br/teatrovivo/ 

Nicole Gomez
Formada em Rádio e TV, sou uma apaixonada por Teatro Musical e acredito que a Cultura pode mudar vidas.

More in:Teatro