Letras

Letra: “Autoacalanto” – Caetano Veloso

Advertisement
Advertisement

O autoacalanto de Benjamim
Que, por enquanto, é o caçula de mim
É um deslumbramento
Ele emula o canto de um querubim-curumim.
O que é mesmo que isso me ensina,
Um ser que si mesmo se nina?
Um quase lamento já é nota de tom
E tem cor de jasmim.
Eu nunca tinha visto nada assim

Advertisement
Advertisement
Advertisement
Advertisement

More in:Letras