Letras

Letra: ‘Num Mundo de Paz’ – Djavan

Vem ver a tarde amor
Nunca tão explendor
Fez-se notar com tanta resolução

Vem que o [?]do amor
O sangue da paixão
Vamos ostentar usando de toda cor

E aí pensar, em tudo que se vai fazer
E avaliando o entorno das coisas
Abstrair o que só nos faz perder
Pra que você possa me olhar

E querer tudo de novo
e cantar com o que vai ter
E no sal de um beijo novo
Ter motivo pra viver
Belas noites de Verão de mãos dadas por aí
Retomar o que era bom
Mas se não quiser sair, beija

Que o vento leve
O amor se encarregue de tudo
E que a gente volte a rir de tudo
E que a vida seja longa e tudo
No mundo de paz

E que a gente volte a rir de tudo
E que a vida seja longa e tudo
No mundo de paz

Vem ver a tarde amor
Nunca tão explendor
Fez-se notar com tanta resolução

Vem que o olho do amor
O sangue da paixão
Vamos cantar usando de toda cor

Vem que o [?]do amor
O sangue da paixão
Vamos ostentar usando de toda cor

E aí pensar, em tudo que se vai fazer
E avaliando o entorno das coisas
Abstrair o que só nos faz perder
Pra que você possa me olhar

E querer tudo de novo
e cantar com o que vai ter
E no sal de um beijo novo
Ter motivo pra viver
Belas noites de Verão de mãos dadas por aí
Retomar o que era bom
Ser feliz é logo alí

E querer tudo de novo
e cantar com o que vai ter
E no sal de um beijo novo
Ter motivo pra viver
Belas noites de Verão de mãos dadas por aí
Retomar o que era bom

Advertisement

More in:Letras