Política

Quem é Padre Kelmon, o candidato a presidência do PTB que nunca foi sacerdote?

Advertisement
Advertisement

Nos últimos dias, principalmemente depois do debate no SBT, muitos questionaram quem é o Padre Kelmon, candidato do PTB que disputa a presidência do Brasil e que também estará no debate da Globo hoje (29).

Pois bem, o religioso assumiu a vaga após o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) impugnar a candidatura de Roberto Jefferson.

Seu nome é Kelmon Luis da Silva Souza é natural da cidade de Acajutiba, na Bahia, e é solteiro e tem 45 anos de idade.

Ele se se apresenta como “sacerdote ortodoxo” e usa símbolos semelhantes aos da Igreja Sirian Ortodoxa de Antioquia do Brasil. Porém, a congregação emitiu nota negando vínculo com Kelmon. Por sua vez, o suposto padre afirma que representa a Igreja Católica Apostólica Ortodoxa del Perú.

Advertisement

Kelmon ainda coordena o Movimento Cristão Conservador Latino-Americano e em plano de governo, o mesmo de Jefferson, cita a valorização de Deus, da família (sendo contra o aborto) e da liberdade, prometendo intensificar a agenda de privatizações, convocar uma nova Assembleia Constituinte, reduzir a carga tributária, pôr fim à estabilidade dos servidores públicos, proibir a legalização, plantio, cultivo e comercialização da maconha e criminalizar a “cristofobia”.

Ele foi convidado ao debate da Globo e do SBT pelo seguinte motivo: a Lei Eleitoral diz que “assegurada a participação de candidatos dos partidos com representação no Congresso Nacional, de, no mínimo, cinco parlamentares”. O PTB tem exatamente cinco parlamentares.

Advertisement
Advertisement

More in:Política