Televisão

Ação do SBT em combate a LGBTfobia é resultado da determinação judicial contra Patrícia Abravanel

Nos últimos dias, o SBT lançou uma campanha com vídeo em que Patrícia Abravanel e outros funcionários da emissora se posicionam contra a LGBTfobia. Pois bem, a ação foi resultado de uma determinação judicial contra a filha de Silvio Santos.

De acordo com a Marina Gonzarolli, fundadora do movimento #MeTooBrasil, o processo foi movimento contra a fala feita pela Patrícia durante o programa “Vem Pra Cá”, em que ironizou as letras que compõem o movimento LGBTQIA+.

Confira abaixo a campanha do SBT e a comemoração da advogada.

More in:Televisão