Música

Lançamentos da semana tem Sorriso Maroto, Natiruts, Jota Quest, Lary, Alok, P!NK e muito mais!

Chegou mais uma sexta (07) e com ela diversos lançamentos musicais, dentre os quais estão o single e o clipe de “All I Know So Far” da P!NK, que faz parte de seu documentário, a última parte do projeto “A.M.A. Antes Que o Mundo Acabe” do Sorriso Maroto, a parceria entre Natiruts e Macaco, Lary junto com a Clau e o LK 3030 em “Mina Bandida”, Alok com Sofi Tukker e INNA. em ‘It Don’t matter’ e muito mais!

“All I Know So Far” l P!NK

O vídeo, que conta com participações especiais de Cher e Judith Light, foi dirigido pelo diretor vencedor do Grammy, Dave Meyers, e marca o décimo sexto clipe em que os dois colaboraram em conjunto ao longo de seu relacionamento de 22 anos. Lembrando que a faixa é o título do documentário da cantora, disponível na Amazon Prime Vídeo.

“It Don’t matter” l Alok com Sofi Tukker e INNA

A faixa, que faz parte do projeto “Spotify Singles”, é um ode a pista de dança.

EP “A.M.A, Antes que o Mundo Acabe” – Parte 6 l Sorriso Maroto

A última parte do projeto do grupo vem acompanhado das faixas “Nosso Flow” e uma nova versão do sucesso “50 Vezes”.

“Eu Quero Tudo” l Macaco e Natiruts

A música exala a serenidade romântica de dois marinheiros de diferentes oceanos. A banda traz um olhar entre brasileiros e jamaicanos para “Lo Quiero Todo”, uma história sobre aceitação no amor, impregnada de reggae.

“Avisa” l Lucy Alves

A música é uma releitura do sucesso de 1999 da banda Falamansa e primeiro single do próximo álbum da artista, “Avisa”, que será lançado em junho. O álbum, composto por releituras de canções do repertório do Falamansa, trará seis faixas do grupo e uma música inédita – parceria de Lucy com Tato, vocalista e compositor do grupo paulistano. 

“Mina Bandida” l Lary com Clau e LK 3030

“‘Mina Bandida’ representa uma grande conquista para o meu trabalho, tendo ao meu lado artistas que tanto admiro, somando muito. Foi muito gratificante ver a entrega da Clau e do LK nas gravações e isso me deixa muito animada para a resposta do público. Tanto o clipe quanto a letra, trazem uma Lary mais malvada, mais dominadora, mais certa das suas vontades e sem medo de expô-las. Pra mim, é mais uma forma de expressar empoderamento, deixando de lado alguns tabus e sendo livre para fazer o que bem entendo, sem medo do julgamento alheio. É mais um passo super importante na minha carreira, e assim estamos cada vez mais perto do álbum!” – disse Lary.

“Questão de Sorte” l Simão

A música ainda veio com um clipe divertido e encontro de amigos para celebrar a vida. 

“Onde é Que Isso Vai Dar” l Zélia Duncan

A canção, que fala explicitamente sobre esse momento em que estamos vivendo, tem os arranjos assinados por Zélia e Christiaan Oyens. ’Onde é que isso vai dar?´ é, literalmente, um diálogo meu com o Juliano. Um dia, nós fizemos uma música cujo resultado nos deixou feliz. Foi quando ele me mandou uma mensagem dizendo o quanto ele estava bem por estar compondo e que isso estava sendo bom pra ele nesse tempo. E aí eu respondi para ele: ‘Te digo o mesmo. Isso me provoca’. O Juliano, que também é um poeta, mandava umas frases para mim e eu devolvia com outras. E assim isso ia virando coisas, estrofes, como “ando sensível / coração na boca”. Foi dessa forma que fomos construindo o diálogo nessa canção, que é tão especial para mim. Essa é umas das músicas que me deu muita alegria e me fez querer fazer o disco – revela a cantora.

EP “Acompanha” l Mc Dricka

Com sonoridade voltada para os bailes, as sete faixas do EP carregam letras mais ousadas, que têm como objetivo sempre enaltecer o direito da mulher de fazer o que ela quiser.

“Inexistente” l Carol Mainá e MARCEL

Uma das promessas da MPB, Carol Mainá reflete na faixa aqueles amores que idealizamos uma vida inteira ao lado de uma pessoa, mas na verdade ele não está na mesma página que você. “Escrevi essa música inspirada em um amor platônico que vive na minha adolescência, quem nunca passou por isso, né? A gente constrói castelinhos e sonhos com alguém que nem está ligando para seus sentimentos” – diz a cantora.

Os artistas se conheceram após Carol “invadir” umas das aulas de bandolim de Marcel para pedir ajuda com aulas de violão. “Ele me pediu para ver algumas músicas autorais e ele se encantou na hora por ‘Inexistente’. Quando surgiu a possibilidade de lançar um feat, o convidei. É uma honra muito grande lançar essa música ao lado de um artista admirável como o Marcel”, elogia a cantora.

“Imprevisível” (Acústico) l Jota Quest

Com novos arranjos, a música foi composta a partir dos versos do poeta paulistano Airton Bovo e ganha ainda mais sentimento com esta releitura. A faixa estará presente na próxima live do grupo, que será anunciada em breve e contará apenas com músicas acústicas.

“Quando o Grave Bater” l Bel Bertinelli e Jovem Levi

Na batida do grave é quando ela desce, fazendo fumaça, deixando um rastro de saudade em quem ouve a nova faixa. Bel se insinua dominando a cena, onde esbanja muita sensualidade e talento, dando o recado de quem manda na situação. Assim é a faixa.

“Vem Vem” l Marcelo Jeneci e Muse Maya

A faixa, que faz parte do álbum “Guaia”, é junção de diversos ritmos brasileiros: “Foi na busca da batida perfeita que encontramos o lugar de força da canção. Ela dá vontade de dançar porque tem nela a sambada, o funk, a banda de píffano de Caruaru, o twiste dos anos 50, o pagode… Um Brasil multi cor e sabor, no mesmo território.” – disse o cantor.

“Hoje Tem Festinha” l Mc Jacaré com Flay e Jeninho

A união desse trio resultou em uma canção com sonoridades do funk, do sertanejo e da música eletrônica. Por isso, a letra é um verdadeiro convite à festa, com direito a muito churrasco, piscina e diversão.

“Cafachorragem” l Mc Du Black e Kevin o Chris

Gravado no Rio de Janeiro, o clipe traz imagens de muita curtição entre os artistas. O funk 150 bpm descreve o pós-festa entre um casal.

“Mãe” l As Baías ft Ivete Sangalo

Formada pelos integrantes Assucena, Raquel Virginia e Rafael Acerbi, a banda As Baías lançou o single “Mãe” em parceria com a cantora Ivete Sangalo. A canção chegou nas plataformas digitais para falar de amor e terá videoclipe oficial divulgado no dia 09 de maio, Dia das Mães.

“Mil Vidas” l Onze:20

A faixa é um reggae preenchido com uma letra esperançosa, que fala de amor. “A inspiração para esse trabalho veio da gente querer passar para as pessoas algo que tirasse os pés delas do chão, que as transportasse para outro lugar. Um lugar bom, onde se sintam bem”, conta Vitin, vocalista.

“Refúgio” l Manola

Acompanhada de um vídeo ilustrativo com a letra da música, “Refúgio” continua refletindo a linguagem “pop urbana” apresentada nos últimos trabalhos de Manola. 

More in:Música