CríticaTeatro

Resenha: Musical Brilha La Luna

O Musical está em cartaz no Teatro Liberdade, em São Paulo

Brilha La Luna, um espetáculo musical que tem como base as canções do icônico Grupo Rouge, estreou no último dia 24, no Teatro Liberdade, em São Paulo. Com ideia original de Diego Montez, as histórias se entrelaçam de maneira perfeita com as músicas já famosas do grupo, formado em 2002, em um reality show exibido pelo SBT.

A trama acompanha Luna, uma jovem nascida e criada na comunidade hippie de Aserejé, local onde viveu boa parte de sua vida, longe da cidade grande e suas tecnologias. Até seus 18 anos, sua vida é tranquila e feliz. Até que ela sente um enorme desejo de fazer uma mudança em sua história, após se ver órfã. A falta de sua mãe a acompanha durante toda a sua trajetória, e a música que a faz lembrar dela é “Um Anjo Veio me Falar”, a qual ela acredita ter sido composta por seus pais e que conta a história deles.

Ao mesmo tempo em que decide mudar sua vida, conhece Diego ao virar uma esquina. O mochileiro encanta a jovem, e a faz crer que encontrou o amor de sua vida e a parte que faltava para que ela fosse perfeita. Porém, o seu príncipe encantado vai embora de Aserejé, deixando a moça muito triste.

É aí que ela descobre uma coincidência: o endereço para onde Diego vai, é o mesmo que seu pai recebia correspondências com ajuda financeira, enquanto estava vivo. Com isso, Luna parte de Aserejé em busca de seu amor e da pessoa que se comunicava com sua comunidade, deixando para trás seus amigos, entre eles, Pedro (vivido na estreia do espetáculo por Tauã Delmiro), que nutre uma paixão secreta pela jovem.

Luna, ao chegar no endereço, acaba caindo em um reality show, que, assim como o programa que formou o grupo Rouge, procura sua próxima grande estrela, Ali, ela encontra jovens dos mais diversos tipos, origens e jeitos, em busca de um único sonho. Também acaba encontrando seu Diego, que é na verdade um pop star muito cobiçado, chamado Moroni Magalhães. Theodora, a apresentadora do programa, uma mulher mau humorada e não muito dada a sentimentos, também cruza o caminho de Luna.

No decorrer da busca de Luna por seu amor e seu caminho, muitas coisas acontecem, que acabam por fazer os sentimentos da jovem mudarem, tornando-a uma pessoa mais fria do que quando chegou ao lugar.

O musical, além das canções do Grupo Rouge, também apresenta uma canção da boyband Br’Oz, formada por outro reality show do SBT, dessa vez, com meninos. E quem canta é Diego, interpretado por Robson Lima.

A representatividade é um tema muito forte no espetáculo. O elenco das concorrentes ao posto de nova estrela pop conta com uma drag queen, que acaba atuando como conselheira das outras garotas, dando lições valiosas sobre empoderamento e superação. Chamada Thalía, é interpretada por Bruno Boer, de maneira divertida e emocionante.

O espetáculo é nostálgico para os fãs e é capaz de cativar até mesmo quem não fez parte da época de maior sucesso do grupo Rouge, pois é impossível não conhecer e querer dançar com pelo menos uma música.

Trata-se de uma trama intensa, onde o público pode se identificar e sentir até certa compaixão pela protagonista, vivida por Marcella Bártholo, já que a mocinha passa por uma diversidade de acontecimentos que a fazem sofrer, desde uma decepção amorosa até a verdadeira identidade de um membro de sua família. Entretanto, os toques de humor e ironia fazem com que o espetáculo, que conta com quase duas horas de duração, ser contagiante e capaz de prender a plateia interessada até o final.

Brilha La Luna está em curta temporada, por isso, garanta seu ingresso!

Ficha Técnica:

IDEIA ORIGINAL: Diego Montez

TEXTO: Juliano Marceano

DIREÇÃO DE REMONTAGEM: Ana Elisa Mattos e Diego Montez

BASEADO NA DIREÇÃO ORIGINAL DE: Pedro Rothe

DIREÇÃO MUSICAL ORIGINAL: Tony Lucchesi

COREOGRAFIAS: Victor Maia

FIGURINOS: Ana Elisa Schumacher

DIREÇÃO DE ARTE Eduardo Ekermann

REALIZAÇÃO: LAB CULTURAL 

ELENCO: Marcella Bartholo, Pamella Machado, Robson Lima, Julia de Aquino, Carol Vanni, Amanda Doring, Diego Martins, Bruno Boer, Matheus Paiva, Fernanda Gabriela, João Felipe Saldanha, Guilherme Lopez, Alicio Zimmerman, Laura Loup, Ísis Mendonça, João Lucas Martins, Yasmin Lifer, Luke Lima e Larissa Noel.

Serviço

Data: 24/01/22 a 22/02/22

Horário: 20h

Duração: 100 min

Gênero: Teatro Musical

Classificação: Livre

End: Rua São Joaquim nº129 – Liberdade – São Paulo

Local: Teatro Liberdade

Abertura da casa: 1h antes do início do evento 

Ingressos: BRILHA LA LUNA – Sympla Bileto – Compre seu ingresso online

Instagram do espetáculo: BRILHA LA LUNA | O Musical 🌙 (@brilhalalunaomusical) • Fotos e vídeos do Instagram

Advertisement
Nicole Gomez
Formada em Rádio e TV, sou uma apaixonada por Teatro Musical e acredito que a Cultura pode mudar vidas.

More in:Crítica